5 dicas para armazenar e conservar sua cerveja em casa

Todo beer lover que se preze adora cultivar o seu estoque particular de cervejas preciosas. Sejam aquelas para o dia em que aparecerem os amigos de surpresa em casa, ou as nunca provadas que serão guardadas para ocasiões especiais, não dá pra cometer a gafe de faltar cerveja em casa, pô!

Mas, se engana quem pensa que só deixar a garrafa no armário de bebidas ou na porta da geladeira garante que seu estado de conservação permaneça inalterado.  Para que a sua cerveja esteja tão fresca e deliciosa quanto no dia em que você a comprou, daremos uma mãozinha com 5 dicas preciosas para conservá-la em casa - dá só uma olhada:

dsc_0018

 

1- Mantenha sua cerveja na posição vertical... sempre!

Não que ela estragará se armazenada na horizontal, porém as chances de a cerveja oxidar serão menores na posição vertical. Além disso, de pé os sedimentos se manterão no fundo da garrafa e não no meio, evitando que se misturem novamente ao líquido quando retiradas do local de armazenamento.

2- Tenha paciência com sua amada bebida

As vezes dá uma vontade louca de beber uma cervejinha gelada depois de um dia estressante, e a gente acaba cometendo a gafe de colocá-la no freezer para acelerar o processo se resfriamento. Só que isso pode mexer com as propriedades mais deliciosas de sua amada bebida, já que ela não reage muito bem a mudanças bruscas de temperatura. Outra coisa que devemos evitar é chacoalhá-la, pelo mesmo motivo. Então, tenha paciência e trate-a com carinho!

3- Não coloque a cerveja na porta da geladeira da cozinha – mas prefira locais de baixa temperatura

A melhor forma de conservar sua cerveja é utilizando uma geladeira especial para cerveja, mas, na falta dela, opte por locais de temperatura mais baixa, abrigados e sem muita umidade. Importante: cuidado com a variação de temperatura! É exatamente por este motivo que a porta da geladeira da cozinha não é o local mais apropriado para armazenar a garrafa, já que acabamos a abrindo e fechando muitas vezes no dia, e, portanto, a variação de temperatura é grande.

4- Fique atento à data de validade e ao estilo de sua cerveja

A validade é a melhor forma de saber em qual estado se encontra a cerveja adquirida, porém existem alguns estilos que resistem mais tempo e, inclusive, ficam melhores e mais complexas com o passar do tempo e da validade original. Saisons e Imperial Stouts, por exemplo, tendem a melhorar com o passar dos anos, num processo de amadurecimento semelhante ao do vinho tinto. Já as IPAs, apesar de terem validade mais elevada por causa da grande quantidade de lúpulos na sua composição, acabam perdendo suas propriedades mais interessantes com o tempo, como o aroma e o amargor. Então, dê uma pesquisa sobre o estilo da cerveja adquirida para não dar bobeira!

5- Proteja a garrafa da luz, ela prefere o escurinho!

A luz direta pode interferir no sabor e no aroma da sua cerveja. Por isso, prefira locais abrigados da luz para armazenar a sua preciosa. Na compra, opte pelas cervejas de garrafas escurecidas, pois a garantia de que ela esteja fresca é maior.

Deu! Agora você pode abastecer o seu estoque de cervejas especiais sem medo!

Prost!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *